Sobre o autor

António Ganhão nasceu no Macuse, Moçambique em 1963 onde viveu até 1975, altura em que veio para Portugal. Licenciou-se em engenharia electrotécnica.

Desempenhou funções de consultor junto da missão UNTAET em Timor e da UNESCO em Moçambique.

Foi administrador da fundação A Casa do Ardina.

Desde sempre que desenvolveu uma paixão pela escrita que deu corpo no seu blog Em Livro e participou em acções de escrita criativa com os escritores José Couto Nogueira e Luís Carmelo.

É autor do blog literário Acrítico.

Em 2014 foi um dos moderadores convidado nas conversas Muito cá de casa, na Casa da Cultura de Setúbal.

Participou na primeira edição do Festival Literário de Fátima, Tabula Rasa – 2015, integrando o júri presidido por Miguel Real, tendo sido responsável pela justificação do prémio ficção, atribuído a Gonçalo M. Tavares.

É casado e tem duas filhas. Vive actualmente no Barreiro.

A Desilusão de Judas (Lua de Marfim) é o seu primeiro romance.

No Das Letras encontra-se uma auto-entrevista do autor, publicada na altura no PNet Literatura, uma oportunidade de levantar o véu sobre esta obra.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s