Aquivos por Autor: antonioganhao

Sobre antonioganhao

Autor

O Caso da PIDE/DGS

No Muito de Cá de Casa foi noite de casa cheia. Irene Pimentel falou do seu mais recente livro, O Caso da PIDE/DGS, e a sala correspondeu colocando questões, partilhando experiências ou histórias dos seus familiares. A justiça transicional neste … Continuar a ler

Publicado em Casa da Cultura de Setúbal | Etiquetas | Publicar um comentário

Prémio Ficção – Tabula Rasa 2016-17

O autor sobe ao púlpito e agradece a distinção que lhe foi atribuída. Adianta-nos que não vai falar da obra galardoada mas do seu trabalho. Decide então contar-nos uma história do seu bisavô, homem austero que vivia no Alentejo e … Continuar a ler

Publicado em Eventos, Tabula Rasa | Etiquetas , | 1 Comentário

Tabula Rasa 2017

Iniciou-se hoje o Festival Literário de Fátima que distinguiu o escritor Bruno Vieira Amaral com o prémio de melhor ficção 2016-17, com a obra “hoje estarás comigo no paraíso”. Pode ler aqui a minha recensão ou escutar a entrevista que o autor … Continuar a ler

Publicado em Eventos, Tabula Rasa | Etiquetas | Publicar um comentário

Interpelar – o objeto livro

O editor é quem escolhe o que publica, tem esse papel, isso define a marca da sua editora. Luís Carmelo fala-nos do papel do editor e da Abysmo. A ilustração deve dar corpo ao não dito, mais do que ilustrar … Continuar a ler

Publicado em apontamento | Etiquetas , | Publicar um comentário

Ana Cristina Silva em entrevista

Uma imagem pode despertar uma emoção, mas não é a realidade em si, é a forma como eu vejo a realidade. Em conversa com Ana Cristina Silva, explorando o processo criativo nas suas obras.

Publicado em Livros | Etiquetas | Publicar um comentário

João Paulo Cotrim em entrevista

Não podemos editar em cima de ideias feitas. (JPC) O editor da Abysmo, João Paulo Cotrim fala-nos do projeto criativo do livro e da sua distribuição. Não podemos editar em cima de ideias feitas. O trabalho do editor é, exatamente, andar no escuro, … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas | Publicar um comentário

Bruno Vieira Amaral em entrevista

João Jorge, figura tutelar do romance, vivia na periferia e, dentro da periferia, numa periferia ligada ao pequeno crime, não houve uma intenção de mostrar os ultraperiféricos, são as próprias circunstâncias de vida deste personagem que justificam essa abordagem. (BVA) … Continuar a ler

Publicado em Eventos | Etiquetas | Publicar um comentário