Luís Carmelo em entrevista

O leitor deve estar sempre de pé atrás, deve fazer o papel daquela pessoa que está a ser seduzida, mas que recusa a sedução. É isso que o faz, a certa altura, amar o livro. Ceder nessa resistência. Quando escrevo não tenho o leitor na minha cabeça. (LC)

Nesta entrevista ao romancista, ensaísta e poeta Luís Carmelo, na sede da EC.ON – Escola de Escrita Criativa, falámos com o escritor sobre o seu mais recente romance, Sísifo. Continuar a ler

Anúncios
Publicado em Eventos | Etiquetas | Publicar um comentário

Miguel Real em entrevista

A seguir a Alcácer Quibir, e com a perda da independência, passou a haver um afastamento entre a elite e a população. A elite pensando sempre em modas estrangeiras, parisienses, hoje nova-iorquinas ou globais, e o povo vivendo de uma forma miserável, até ao século XX, um povo cristãmente medieval, um povo mais de servos do que de cidadãos. (MR)

O blog Acrítico, leituras dispersas, e a Radio Movimento online pt, entrevistaram passado dia 8 de Junho, o escritor Miguel Real. O tema o seu último livro, “Traços Fundamentais da Cultura Portuguesa“.

Continuar a ler

Publicado em Eventos | Etiquetas | Publicar um comentário

Entrevista com Mário Augusto

O Acrítico, leituras dispersas, em colaboração com a Rádio Movimento entrevistou Mário Augusto, autor do livro A Sebenta do Tempo. Um livro / baú de memórias, muito para além de um depósito de emoções para deliciar nostálgicos que terminaram a sua adolescência por volta dos anos 80. São imagens, sons, objetos, filmes, comidas, séries de televisão… de tudo se encontra, sempre muito bem organizado e ganhando vida através de apontamentos curiosos, desconhecidos do grande público. Um grafismo excelente contribui para uma leitura apelativa e transforma o livro num objeto de culto. Podem escutar a entrevista no programa Noites Provisórias de Carlos Cerqueira.

Continuar a ler

Publicado em Eventos | Etiquetas | Publicar um comentário

Tabula Rasa 2ª edição

A segunda edição, que terá como tema “A Literatura e o Sagrado“, decorrerá entre os dias 15 e 18 de Novembro de 2017. Tal como na primeira edição, serão atribuídos prémios nas seguintes categorias: Ficção, Poesia, Filosofia e Literatura infantil.
O prémio Vida e Obra 2017 será atribuído a Pinharanda Gomes.
Entre os participantes as festival, estão confirmados: João de Melo, Gonçalo M. Tavares, Fernando Pinto Amaral, António Carlos Cortez e Afonso Cruz.

Ler mais: http://www.tabularasa.pt

Publicado em Eventos, Tabula Rasa | Publicar um comentário

Autores que nos unem

Sob o mote Autores que nos unem, no espaço do Grupo Porto Editora estarão representadas a Porto Editora, a Bertrand Editora, a Círculo de Leitores, a Temas e Debates, a Quetzal, a Assírio & Alvim, a Livros do Brasil, a Sextante Editora, a Pergaminho, a Contraponto, a Areal Editores, a Raiz Editora, a GestãoPlus Edições, a ArtePlural, a 11×17, a Ideias de Ler, a Albatroz, a 5 Sentidos e ainda a Coolbooks.

Continuar a ler

Publicado em Eventos | Publicar um comentário

Luís Carmelo – Ciclo de Encontros com Escritores

carmelo_eciLuís Carmelo foi o autor convidado do Ciclo de Encontros com Escritores: “Este livro que escrevi”, promovido pelo Âmbito Cultural do El Corte Inglés.

O livro Por Mão Própria era o suposto protagonista do encontro, mas o autor falou-nos da sua trilogia Sísifo (de que esta obra é o segundo volume), e do seu processo criativo de escrita. Os seus fractagrafos, que aplicada às estruturas é a ciência que estuda as fissuras e a sua forma de propagação, surgem aqui como unidades semânticas destruturantes do processo de leitura (pelo menos para quem, já tendo lido os dois primeiros volumes da trilogia, só agora tomou consciência da sua existência).

Continuar a ler

Publicado em Eventos | Etiquetas | Publicar um comentário

Três Mares – apresentação

jlo-3-mares-apresDe que margens se despede este mar?

Este é um livro marcado por uma visão aberta ao mundo, esse imenso mar perturbado por contornos nublosos, agitado pelo sofrimento humano que rouba cores à escrita. Uma imensa vontade em desmontar o circo do poder e denunciar as matemáticas que subtraem humanidades à nossa consciência coletiva.

A apresentação teve lugar na galeria Verney em Oeiras, no passado dia 24. Na foto da esquerda para a direita, o editor Carlos Lopes, o autor José Luís Outono, António Ganhão e o poeta/declamador Arthur Santos (a foto é de Maria Martins).

Leia aqui a minha recensão.

Publicado em Eventos | Etiquetas | Publicar um comentário